• denuncias
  • peticionamento
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
    • Localiza Rent a Car foi condenada por descumprir legislação trabalhista
    • Lei da Doméstica
    • forumcapa
    • A situação dos trabalhadores na área da saúde de Fortaleza vem sendo uma preocupação constante do Ministério Público do Trabalho
    • Locadora de veículos é condenada por irregularidades trabalhistas
    • Fiscalização de Trabalho Doméstico
    • Experiência cearense é apresentada na reunião ordinária do Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil
    • MPT notifica Secretaria de Saúde de Fortaleza para regularizar situação de trabalhadores

    Locadora de carros é condenada por irregularidades trabalhistas

    Após Ação Civil Pública (ACP) do Ministério Público do Trabalho no Ceará (MPT Ceará), a Localiza Rent a Car foi condenada pela Justiça do Trabalho ao pagamento de R$ 30 mil por danos morais coletivos após serem constatadas uma série de irregularidades trabalhistas na empresa, especialmente em relação à jornada de trabalho, descanso semanal e registro de empregados. O valor será revertido para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

     Imprimir 

    Experiência cearense é apresentada na reunião ordinária do Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil

    O Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (FNPETI) realizou nesta quarta-feira (20/8) na sede do Ministério Público do Trabalho no Amazonas (MPT 11ª Região) a 2ª Reunião Ordinária de 2014 do FNPETI. O tema “aprendizagem” foi discutido com membros do poder público e da sociedade civil organizada como proposta e estratégia para o combate ao trabalho infantil e proteção do adolescente aprendiz.

     Imprimir 

    MPT notifica Secretaria de Saúde de Fortaleza para regularizar situação de trabalhadores

    O Ministério Público do Trabalho no Ceará (MPT/CE) recomendou que a Secretaria Municipal de Saúde de Fortaleza (SMS) afaste, no prazo de 60 dias, todos os trabalhadores que prestam serviços ligados à atividade meio, contratados sem concurso publico e que recebem pagamento diretamente da SMS, por meio de RPA (Recibo de Pagamento Autônomo). A Notificação Recomendatória atinge tanto os empregados que prestam serviços junto à Secretaria como também aos demais órgãos e serviços de saúde a ela vinculados.

     Imprimir 

    • banner pcdlegal
    • banner corrupcao
    • banner mptambiental
    • banner cnmp
    • banner radio
    • banner trabalholegal