• denuncias
  • peticionamento
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
    • Fiscalização Pescadores
    • DSC 0680
    • TE out
    • Mês de conscientização sobre a prevenção do câncer de mama
    • Força-tarefa retoma fiscalização e entrega de licenças de embarcações do Ceará
    • MPT Ceará seleciona estagiário em Direito
    • 13 trabalhadores resgatados em condições de trabalho análogo a escravo em Caucaia/Ceará
    • Mês de conscientização sobre a prevenção do câncer de mama

    BNB deve convocar jornalistas aprovados em concurso

    Após ação civil pública do Ministério Público do Trabalho (MPT), a Justiça do Trabalho determinou que o Banco do Nordeste do Brasil (BNB) deve convocar e contratar os aprovados no cargo de comunicador social no concurso público realizado em 2010.  Segundo a decisão da juíza Karla Yacy Carlos da Silva, o banco deve suspender o prazo de validade do concurso para comunicador social até o trânsito em julgado do processo da ação e se abster de contratar novos comunicadores sociais salvo os oriundos do concurso público. A pena por descumprimento é uma multa de R$ 10 mil por cada contratação irregular.

     Imprimir 

    MPT Ceará seleciona estagiário em Direito

    Estão abertas, a partir desta sexta-feira (24/10), as inscrições para estágio em Direito no Ministério Público do Trabalho (MPT) no Ceará. As inscrições são gratuitas e seguem até o dia 24 de novembro. Elas podem ser realizadas das 9h às 18h, na sede da Procuradoria Regional do Trabalho da 7ª Região (Av. Padre Antônio Tomás, 2110 - Aldeota).

     Imprimir 

    13 trabalhadores resgatados em condições de trabalho análogo a escravo em Caucaia

    O Grupo Especial de Fiscalização Móvel do Ministério do Trabalho e Emprego, o Ministério Público do Trabalho (MPT), o Ministério Público Federal e a Polícia Federal resgatou 13 trabalhadores, entre eles três menores: um com 17 anos e outros dois com 16 anos, em situação de trabalho análogo a escravo em razão das condições degradantes a que estavam submetidos, em fiscalização realizada na atividade de extração de folha de carnaúba.

     Imprimir 

    • banner pcdlegal
    • banner corrupcao
    • banner mptambiental
    • banner radio
    • banner trabalholegal